Navegação Rápida:

    Sem enrolação! Existem algumas formas de conquistar a carta de crédito para adquirir bens como imóveis, veículos ou serviços. No consórcio, mensalmente e de forma obrigatória, uma pessoa será contemplada por sorteio. Como existem várias pessoas com o interesse em comum, a arrecadação do grupo pode permitir mais de uma contemplação. E essas outras contemplações são feitas por lance 

    O lance é uma ferramenta estratégica na tentativa de antecipar a contemplação e, por consequência, a aquisição do bem. Existem várias formas de usar essa estratégia que envolve planejamento financeiro, conhecimento do grupo e até mesmo o mês em que esse lance será oferecido.  

    Novembro e dezembro são meses em que celetistas recebem o 13º salário. Esses meses tendem a ter mais lances oferecidos, já que os consorciados estão com dinheiro na mão. Usar o 13º, inclusive, é uma estratégia de lance 

    Janeiro e fevereiro, por outro lado, são amplamente conhecidos como meses com mais contas a pagar e, por isso, podem oferecer a possibilidade de ser contemplado por lance, já que teoricamente, o número de lances será menor.  

    Entretanto, é importante conhecer o comportamento das pessoas que estão no grupo, observando quando e o quanto elas oferecem de lance.  Continue a leitura para entender melhor! 

    O que é um consórcio? 

    O consórcio é formado por um grupo de pessoas com desejo comum de compra de imóveis, veículos ou serviços. Essa é uma forma inicial de entender o que, de fato, é um consórcio. Passado esse contato inicial com o assunto, o consórcio é uma estratégia para adquirir produtos pagando menos. Ele exige planejamento financeiro, porém, se comparado com outros métodos como financiamentos, poupança, o consórcio é mais vantajoso.  

    O que é uma assembleia? 

    Entre as etapas do consórcio, está a participação na Assembleia Geral Ordinária (AGO), que é obrigatória e mensal. Ela consiste na definição das contemplações dos consorciados. Na Ademicon, os sorteios são condicionados aos resultados da extração da Loteria Federal. Além disso, é nesse momento em que você pode oferecer um lance para tentar antecipar a sua contemplação.  

    Tipos de lance 

    Lance livre 

    O consorciado escolhe qual será o valor ofertado. Até a data da assembleia, é possível sinalizar para a administradora o quanto está disposto a ofertar, sendo que o participante é livre para definir esse valor. O pagamento do valor ofertado só é feito se for, de fato, o lance vencedor. 

    Lance fixo 

    No lance fixo, a administradora determina a quantidade de parcelas ou o percentual a ser ofertado, de acordo com o aditivo de cada grupo. Caso vários consorciados ofereçam essa quantia fixa no mesmo mês, a empresa terá que definir um vencedor de acordo com o seu critério de desempate, que pode variar. Na Ademicon, por exemplo, ganha a cota mais próxima do primeiro prêmio da extração da Loteria Federal do mês vigente. 

    Lance limitado 

    Nessa modalidade, concorrem os consorciados que oferecerem um lance também predeterminado no aditivo do grupo inserido, mas o valor é diferente do lance fixo. 

    Todavia, é importante consultar a administradora para verificar a possibilidade, pois nem todas trabalham com essa alternativa. Sendo assim, pesquise para melhor aproveitar as oportunidades. 

    Lance fidelidade 

    A modalidade não é oferecida por todas as administradoras, mas funciona da seguinte forma: podem participar os consorciados que contribuem com parcelas mensais há mais tempo do que o estipulado pela empresa. 

    Na Ademicon, para ofertar esse lance é necessário ter participado de um número mínimo de assembleias, pagando as mensalidades em dia. A opção busca valorizar aqueles que estão com a administradora por mais tempo, criando uma oportunidade especial para essa confiança. 

    Lance embutido 

    O lance embutido é uma alternativa interessante para quem deseja ofertar um lance, mas não consegue fazer isso com recursos próprios. No entanto, precisa ter previsão contratual para ser aceito. Nesse caso, o pagamento é realizado com o valor do lance descontado do próprio crédito do contemplado. Isso quer dizer que, por exemplo, se a carta de crédito é de R$ 80 mil, é possível usar R$ 15 mil para o pagamento do lance. Ao final desse processo, sua carta valerá R$ 65 mil.

    FGTS 

    No caso do consórcio imobiliário, é possível utilizar o FGTS para pagamento total ou parcial do lance. Porém, é importante verificar as regras do Conselho Curador do FGTS a fim de se preparar adequadamente para esse formato. 

    Como dar um lance? 

    Oferecer um lance é bastante simples. Basta entrar em contato com a administradora do consórcio e oficializar a proposta, respeitando os procedimentos e prazos.   

    Quais são os erros a serem evitados no momento de dar um lance no consórcio? 

    O maior erro é a desinformação. Se você prestar atenção e seguir todos os direcionamentos dados, verá que é totalmente possível ofertar um lance de sucesso. 

    Evite agir por impulso e sem planejamento financeiro. Isso pode fazer com que você perca boas chances e, ainda por cima, se endivide desnecessariamente. Com atitudes acertadas, tudo fica mais fácil. 

     




    Posts Relacionados: